• Home /
  • Sobre /
  • Contato /
  • Categorias
  • Meu corpo é meu hospício!

    "Josielma Ramos"

    Tudo que mais quero nesse momento é gritar, 
    Um grito rouco que se prende em minha garganta, 
    A dor que sinto cresce dia a dia, 
    E ninguém jamais irá entender, 
    Meu corpo se contorce em agonia, 
    Minha mente se esvai em poeira, 
    Nem sei mais o que sou, 
    Se sou gente ou resquício de vida que um dia eu fui, 
    Estou tão cansada de tudo, 
    Cansada de conversar, 
    Cansada de lutar, 
    Cansada de tentar, 
    Tudo que quero é me deixar, 
    Me deitar, 
    E morrer.

    Comentários
    2 Comentários

    2 Comentários:

    1. Oie amiga linda, tudo bem?
      Amiga que poema forte, me lembrou muito uma fase conturbada da minha adolescência.
      Um super beijo *-*
      http://sabrinaikeda.blogspot.com.br/

      ResponderExcluir
      Respostas
      1. Olá Sa,
        Não sei se é exatamente um problema, mas as vezes gosto de chocar um
        pouco com os meus poemas, gosto de passar para o papel as dores sentidas.
        Beijos flor.

        Excluir



     
    Copyright © Como vejo o mundo | Blog | Todos os direitos reservados | Desenvolvimento por VR DESIGN :: VOLTE AO TOPO