• Home /
  • Sobre /
  • Contato /
  • Categorias
  • Estrela no ventre - Romildo Souza


    A luz que brilhava fortemente no céu,
    Se desfez! hoje habita em um ventre.

    Um ventre de uma deusa mulher.

    Aos poucos vai tomando sua forma,
    Vai recebendo o sopro da poesia,
    Vai saboreando as palavras.

    E então poetiza no mais doce silêncio.
    O silêncio que te faz ser divino(a).
    O silêncio do ventre de uma deusa mulher.

    Poema escrito pelo me amigo, poeta e ator, Romildo Souza.
    Comentários
    0 Comentários

    0 Comentários:

    Postar um comentário



     
    Copyright © Como vejo o mundo | Blog | Todos os direitos reservados | Desenvolvimento por VR DESIGN :: VOLTE AO TOPO